Ninguém emagrece efetivamente sem reorganizar a vida e preparar-se para este evento. Emagrecer e ficar magro é uma condição que exige competência para lidar com a força imposta pela nova imagem corporal adquirida através do tratamento.
Martins – 1994

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

A Esperança vive - Parte III



Não sei quem continuará ao meu lado nessa caminhada,
mas seu que jamais estarei sozinho.

Não sei quantas quedas sofrerei,
mas terei forças para sempre levantar.

Nãos ei se conhecerei a injustiça,
mas não abandonarei o ideal de cooperar onde for preciso.

Não sei se a inveja irá querer me prejudicar,
mas seguirei confiante o meu caminho.
Márcia Regina Ferreira



A vida não é movida pelo Saber mas é sabida pelo Existir.
Permita-se! Mova-se... mesmo diante do desconhecido...
Você pode ter muitas surpresas!!!
Viva a Vida mo-vida!

6 comentários:

  1. cornelia antunes17/10/2011 17:30

    Que lindo!!!!!! Ler uma mensagem como essas numa segunda feira, é muito estimulante,adorei laura!!!

    ResponderExcluir
  2. Fiz com carinho, Cornelia!
    Beijos na alma

    ResponderExcluir
  3. É verdade, no inicio não dava muita bola para o cuidado com minha auto-estima, hoje vejo o quanto isso é indispensável numa caminhada sadia!!!! Parabens pela iniciativa!

    ResponderExcluir
  4. Aline, querida, parabéns a você também, pela iniciativa de se aliar ao elemento mais importante do percurso vital... auto estima. Sem ela, não percorremos, paralisamos...
    Beijos na alma

    ResponderExcluir
  5. SOBRE A ESPERANÇA VIVE, PARTE II

    "As dores nos convocam ao re-conhecimento de nossa coragem"..uau!!!!
    Vou dar uma desabafada aqui..lá vai: há cinco anos atrás meu marido me revelou uma filha fora do nosso casamento..uma filha que ele teve com a empregada de nossa casa quando eu estava no resguardo do nosso segundo filho...nós temos 3 filhos e ele...uma filha...Caramba!!!eu nunca senti uma dor tão grande!!!Parecia que uma carreta tinha batido em mim..assim..de frente..ai ai

    ResponderExcluir
  6. Eliane, querida, deve ter sido muito difícil, porém, considerando que foi possível compartilhar sua história aqui e agora, imagino que você tenha, re-conhecido sua coragem diante dessa dor e os efeitos disso... provavelmente, transformação e evolução.
    Beijos na alma

    ResponderExcluir

Seu comentário é muito bem vindo!
Participe ativamente e contribua para uma vida mais leve, mais livre e mais feliz!
Abraços carinhosos